domingo, 8 de outubro de 2006

Você sabe?

Você sabe o nome do atual Ministro dos Esportes? E do Ministro da Saúde? Talvez saiba do Ministro dos Direitos Humanos (Eu nem imaginava que existia esse Ministério)? Não sabe? Então deve saber do Ministro da Integração Nacional ou da Igualdade Racial. Não sabe também? E por ultimo, sabe pelo menos do Ministro da Agricultura?
Não se considere desinformado ou sem cultura, pois como você, muitas pessoas também desconhecem os nomes dos Ministros, e são pessoas bem informadas, universitários, jornalistas, advogados.
Talvez quem os tenha colocado lá nem saiba seus nomes (convenhamos que ele NUNCA sabe de nada), mas, é um absurdo essas pessoas ocupando cargos políticos serem totalmente desconhecidas – e o que é pior, recebendo MUITO bem para não fazerem NADA.
Aqui no Brasil tem-se o costume de querer levar vantagem em tudo – a famosa “LEI DE GERSON” – desde pequenos vemos pessoas furando filas, dando “dinheirinho” pro guarda e outras coisas mais que parecem ser inofensivas, mas, faz com que sejamos todos uns corruptos (ou corruptores); então como podemos querer exigir de nossos governantes que eles não façam à mesma coisa, só que em escala bem maior?
Sei que fica difícil querer mudar um País de forma tão radical, mas, as coisas só começarão a dar certo a partir do momento em que mudarmos nossos costumes, a partir do momento em que cada um souber que tem deveres e leis a serem obedecidas e cobrar para que essas leis sejam realmente seguidas.
Já dizia a frase “Cada País tem o Governo que merece”, e realmente merecemos tudo que está acontecendo, afinal de contas fomos nós que colocamos essas pessoas no poder com nossos votos; portanto é nossa OBRIGAÇÃO votar correto (ou não votar se for sua vontade) para que esse eterno ciclo de corrupção tenha um fim.
Outra coisa que me aborrece profundamente e a mania dos brasileiros de serem “coitadinhos” – quero dizer com isso que sempre nos colocamos para baixo, somos “servos” a disposição dos nossos senhores; Talvez seja herança de tantos anos de colonização, mas isso não é desculpa, pois paises que também foram colônias de outros como a Austrália e Estados Unidos, não apresentam essa subserviência.
Devido a isso, o Governo assume um papel assistencialista, se tornando provedor de todas as nossas necessidades básicas: saúde, alimentação e habitação; para que dessa forma sejamos sempre dependentes de suas “esmolas”. É bolsa-escola, bolsa-família, fome-zero, tudo com fim eleitoreiro.
Seria bem mais proveitoso dar condições reais de trabalho para todos, dar uma educação de qualidade para que com isso todos possam ter preparo para trabalhar e ter o seu sustento sem depender de favores do Estado, porem quanto mais instruído é o povo menos fácil fica de manipula-lo – por isso teremos sempre essa quantidade imensa de miseráveis semi (ou completamente) analfabetos.

Para quem ficou curioso aqui estão os nomes dos Ministros citados acima:
Ministro dos Esportes – Orlando Silva
Ministro da Saúde – Agenor Álvares
Ministro da integração Nacional – Pedro Brito
Ministra da Igualdade Racial – Matilde Ribeiro
Ministro dos Direitos Humanos – Paulo Vanucchi
Ministro da Agricultura – Luiz Carlos Guedes Pinto

Nenhum comentário: