quarta-feira, 28 de fevereiro de 2007

FUTILIDADE 2

Mais uma vez, o meu assunto aqui é o BBB7 que, embora eu considere uma porcaria, não posso deixar de reconhecer como sucesso de audiência.
Na votação de ontem, entre Alemão e Íris, antes de sair o resultado eu comentei com a minha esposa que quem sairia vitorioso seria o Alemão, pois o programa quer ter sempre muita audiência, então, nada melhor que deixar o participante mais polêmico e arrogante para criar mais atrito no jogo.
Isso mais uma vez me fez pensar em como esses resultados das votações são manipulados para deixar (ou tirar) quem os diretores do programa querem; é muito fácil anunciar o resultado de uma votação sem apresentar provas concretas. Se numa eleição “real”, (onde sempre existem observadores dos partidos, urnas eletrônicas e etc.) conseguem fraudar, imagine uma na qual não tenhamos acesso e saibamos apenas o resultado.
A solução para isso seria chamar alguns auditores para observarem o processo de votação e o resultado só seria divulgado após a sua confirmação; assim o programa teria a VERACIDADE que “SUPOSTAMENTE” diz ter.

Nenhum comentário: