quinta-feira, 6 de dezembro de 2007

Professora pedófila é presa novamente

debra lafave

Qual o menino de 14 anos que nunca sonhou transar com aquela professora gostosa?
A moça ai de cima, Debra Lafave (27 anos), era professora de uma escola na Flórida, quando, em 2004, manteve relações sexuais na sala de aula e em sua casa com um aluno de 14 anos.
Condenada a cumprir pena de prisão domiciliar e a prestar serviços comunitários (qual será o tipo de serviço que ela presta?), no último dia 04/12, foi presa novamente por violar a condicional. O motivo da violação foi por ela ter conversado sobre sua vida pessoal e outros assuntos com uma garçonete adolescente, sua amiga de trabalho em um restaurante, onde ambas trabalham juntas, e um dos termos de sua condicional é que ela não pode manter contato com menores de idade sem supervisão se não tiver permissão.
Agora, eu acho uma hipocrisia tremenda essa mulher ter sido condenada por fazer sexo com um menino (se pode se chamar um cara de 14 anos de menino), porra será que a mãe dessa criatura quer criar um filho viadinho? Queria eu no meu tempo de escola ter uma professora assim, iria até repetir de ano só para continuar tendo aulas com ela.
O menino, esse viadinho linguarudo, se ficasse de boca fechada, teria tudo para ser o mais FODÃO da escola, mas não, foi chorar no colo da mamãe que sua professora "abusou" dele e, a pobre da professora foi condenada por fazer um favor (sexual), a alguém que nesta idade se dedica apenas ao vício solitário da masturbação.
A sociedade americana é muito hipócrita e tem um falso moralismo que chega a ser repulsivo, tratando assuntos ligados ao sexo como se ainda estivessem no século 18, mas, as mesmas pessoas que condenam publicamente o ato da professora, são capazes das maiores atrocidades quando escondidas no anonimato. Prova disso é o grande número de praticantes de S.M e outras formas de sexo bizarro entre os habitantes da terra de Bush.
E você, se fosse com seu filho o que faria? Mandaria prender a professora ou felicitaria ela e pediria para ela fazer um "favor" para você tambem?

Fonte: G1


Nenhum comentário: